terça-feira, 17 de novembro de 2015

Mais um de queixinhas... Passem à frente.

Há uma música que eu adoro chamada Numb (Linkin Park). É assim que me tenho sentido ultimamente – entorpecida. A repetir as mesmas coisas todos os dias. A ouvir as mesmas queixas todos os dias. Sem vontade de reagir, apenas sobreviver a mais um dia.

Ontem, logo à saída do emprego, pisei o risco contínuo na auto-estrada. Sabem aqueles riscos com relevo, mesmo para vos acordar? Parecia que ia desconcentrada. Estava cansada. Na A16, perto do Cascaishopping, estava um bocado de algo  metálico grande na estrada (parecia uma das protecções contra o vento) e não me desviei a tempo (ia um pouco em cima do da frente, porque abrandámos para a saída). Pensei logo que tinha dado cabo do carro, mas aparentemente está tudo bem. Agora, como estaciono em paralelo ao lado de umas sebes, reparei que o meu carro cada vez tem mais marcas e riscos no pára-choques, mas não tinha nenhum dano do que quer que estivesse na A16. Cheguei a casa e vi que não tinha óleo. Toca de ir para a Midas por óleo no carro. Estava seco, mas não acendeu luz nenhuma! Pensava que já estava bom, mas está a perder óleo algures. Tenho de tratar disso urgentemente...
Vou resolvendo os problemas à medida que vão aparecendo, mas não tenho vontade para mais nada. Não me apetece ir ao ginásio, nem ler, nem sair de casa. O jantar de Natal da empresa está a chegar e eu não vou. Não me apetece gastar dinheiro em roupa (o jantar é temático e eu não tenho nada que me sirva), nem em cabeleireiro, unhas, etc… O dinheiro já é pouco e ainda tenho de pagar o arranjo do carro, as quotas da ordem e os presentes de Natal. Mesmo que houvesse dinheiro não me apetece sair de casa, ir para longe e fingir que estou bem. Não estou e também não vou fazer por agradar a ninguém!

3 comentários:

  1. Também ando mais ou menos assim! Acho que estou a precisar de janeiro ou, melhor ainda, fevereiro!

    ResponderEliminar
  2. Espero que o problema com o carro seja fácil de resolver e venham dias melhores.
    um beijinho
    Gábi

    ResponderEliminar
  3. Eu vivo os dias à espera que seja sexta feira.

    ResponderEliminar

Todos os comentários são sempre bem-vindos ;)