segunda-feira, 30 de maio de 2011

Manhã maravilhosa! Ou eu a queixar-me – passem à frente…

Acidente em cadeia na A5 junto à área de serviço, fila desde muito antes das portagens. Outros dois acidentes em sentido contrário e greve da CP. Resultado: a meio começou uma bela de uma enxaqueca em que comecei a ver tudo cinzento e com a cabeça a andar à roda – parecia que tinha tomado um alucinógeno! Vim devagarinho, de janelas abertas e, apesar da chuva, com os óculos de sol postos, que aquela luminosidade esbranquiçada de manhã faz muita confusão.

Quando cheguei pensei: se vou tomar qualquer coisa a minha tensão vai baixar mais. Fui comer um café e um pastel de nata para poder tomar um comprimido.

Passei a manhã toda a ver tudo cinzento, agoniada e mal aguentava a cabeça. A certa altura estava completamente branca (segundo as minhas colegas) e nem cor nos lábios tinha. Comecei a transpirar e cheia de suores frios…

Depois, a pouco e pouco, que estas coisas a mim não duram muito, foi passando e agora felizmente estou bem melhor.

Esperemos que a tarde seja melhor e que passe bem rápido :P

Bjs

6 comentários:

ariel disse...

as minhas enxaquecas tb são terriveis...e não passam com comprimidos...é com o tempo! as melhoras

Things disse...

as melhoras:)

Nokas disse...

As melhoras, que passe rápido!

Anabela disse...

Oh que chatice. As melhoras!
O transito, ou a falta dele, é uma das vantagens de se morar na provincia :)))
Bjs

*Sininho* disse...

Bolas... que maneira de começar o dia =/
Ainda bem que melhoraste...
Amanhã vai ser melhor! =)

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

MAGamiga

Quando estava na tropa dizia-se que isso incha, desincha e passa. E, no teu caso, pelos vistos felizmente já passou. Parabéns!

Se o meu Sporting continuar na mesma como a lesma será muito pior. O que é impossível...

Encontrei-te através de … «o meu vizinho é pior que o teu» da nossa Amiga M.

Gosto muito dela, damo-nos excelentemente, e portanto vim até aqui. E gostei, sinceramente gostei.

Se não gostasse também o dizia. Sou um «pão, pão, queijo, queijo», ou seja um desbocado militante.

Peço-te, entretanto, (não são €€€€, que estão muito caros e raros) que visites a minha Travessa que também passará a ser tua. Obrigado

Qjs = queijinhos = beijinhos