terça-feira, 27 de outubro de 2015

A maneira como encaro as coisas faz toda a diferença...

Tenho de pensar: Apesar de ter sido mau, foi comigo? A pessoa com quem foi defender-me-ia? Vou melhorar alguma coisa? Eu tenho a mania de sair em defesa das pessoas e, não raras vezes, queimo-me com isso. Quantas vezes é que essas pessoas me defenderam? Às vezes ainda ficam ofendidas, porque se sabem defender e eu não tenho de me meter. Preocupar-me menos com os outros e defender-me mais, já a minha professora do 7.º ano assim o dizia.

E quando me criticam a mim, vou escolher rebaixar-me ou vou provar aquilo que valho e que sou muito melhor do que aquilo que me pintam? Será que não me estão a espicaçar mesmo para verem como reajo? Escolhes a derrota ou vais à luta?

Não sei se é da velhice ou das barbas brancas, mas as minhas escolhas de agora são muitoooo diferentes das do passado!

6 comentários:

  1. Olá Mag!!
    Sabes sou da opinião que as coisas só têm a importância que nós lhe damos.
    E a minha resposta à tua pergunta é: ir á luta com toda a certeza!
    Beijinho grande e boa semana.

    ResponderEliminar
  2. Concordo com a Catarina embora a minha impulsividade me traia muitas da vezes.

    ResponderEliminar
  3. Não é da velhice, seguro, nem das barbas brancas...chama-se sabedoria, maturidade...o sermos nós mesmos, que é o mais importante ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sermos nós mesmos às vezes é complicado, com aquilo que vamos vendo e engolindo todos os dias... Às vezes prefiro engolir em seco, porque há horas em que só me apetece berrar e mandar calar as pessoas.

      Eliminar
  4. Ainda bem que são diferentes... chama-se maturidade. Eu sinto o mesmo.

    ResponderEliminar

Todos os comentários são sempre bem-vindos ;)